22 de jul de 2011

Arte erótica da Idade da Pedra é encontrada em caverna na Alemanha

Arqueológos em escavação em uma caverna na região de Thorigné-en-Charnie, na França. (AFP, Herve Paitier)
Arqueólogos descobriram pela primeira vez em cavernas da Idade da Pedra na Alemanha imagens de mulheres nuas, que podem ter sido usadas em rituais de fertilidade, segundo informaram fontes oficiais nesta quarta-feira.
Pesquisadores do Escritório de Preservação Histórica da Região da Bavária encontraram gravuras primitivas numa caverna perto do sul da cidade de Bamberg, após décadas de procura.
A porta-voz Beate Zarges, confirmou na reportagem publicada no jornal semanal Die Zeit que os arqueólogos acreditam que as gravuras tenham sido feitas há 12 mil anos.
"Elas são representações esquemáticas de corpos femininos e símbolos não identificados entre elas", informou.
Os artistas ancestrais parecem ter tirado a inspiração para as imagens eróticas das formações rochosas que lembram seios e pênis para então esculpiram as imagens nas paredes da caverna, disse Zarges.
O Die Zeit citou o geólogo e arqueólogo Bernhard Haeck, membro da equipe que fez a descoberta, afirmando que a caverna de cinco metros de comprimento pode ter sido usada para rituais de fertilidade.
"É um lugar cheio de magia", afirmou.
Zarges explicou que eles continuam investigando e a caverna vai continuar fechada ao público.
Acredita-se que as pinturas de cavernas mais velhas do mundo são as de Chauvet Pont d'Arc, no sul da França, assunto do mais recente documentário do diretor alemão Werner Herzog, "Cave of Forgotten Dreams" ('Caverna dos Sonhos Esquecidos', em livre tradução).
Segundo alguns pesquisadores, a arte já é praticada há mais de 30 mil anos.
Fonte: AFP