24 de fev de 2011

Ufoarqueologia - O que eles representavam no passado?

Ciência que estuda as possibilidades que seres do espaço tenham trabalhado ou explorado a raça humana a bom tempo atrás.
Agora vamos mostrar os "Objetos" e que por sinal bem estranha para sua época:
Objetos e utensílios, estátuas e etc...

Estatuetas de entidades reptilianas achadas no Iraque datando de 5 mil aC

Medalha comemorativa francesa de 1680, notem a presença de uma "Nave"







Estas fotos parecem ser tiradas no Egito, enganaram-se elas foram tiradas na Austrália, como explicar a mesma dinastia egiptologia na Austrália ? Os mesmo costumes?

Encontrado no Templo de Dendera, no Egito, mostra seres com aparências de repteis, e suas criancinhas. A placa é conhecida no Egito como por "Deuses Serpentes".




Escultura Olmeca, notem que o desenho é uma nave com um astronauta.



Artefatos encontrados no Equador, vários capacetes e roupas  de astronautas que coincidem com a nossa época. Ao lado direito a foto de um astronauta do Apollo.

Na Austrália em suas pedras temos esculpido o desenho deste ser, na qual os aborígenes o chamavam de Marree Man.

Foto tirada no deserto da Austrália, do Marree Man



Artefato encontrado no Iraque.



Bem estranha esta foto não? encontrado no Egito, em Saqara.

No Equador



Moeda antiga a qual representava uma linhagem especial, a das "Serpentes"



Dos Assírios o Shamash Disco (disco solar)



Escultura Maia, seres de outros lugares.



As placas do Templo de Seti, de riquíssimo valor Ufo Arqueológico, mas ignorados pelos céticos, isto nos mostra uma tecnologia avançada em tempos remotos.



Supostamente alguém cético possa dizer de que se trata de uma caixão com a sua múmia,embora os egipcios não tinha este costume de criar caixões se não tivesse um relevo,  mas os outros obejtos voadores não deixam mentir nas placas de Seti.





Na América do Sul e na área da misteriosa e ainda não totalmente explorada Floresta Amazônica,
exatamente ao Norte de Peru e já nas proximidades das fronteiras com o Brasil, temos outras intrigantes

mensagens nas pedras, representadas por misteriosas esculturas, obras de um desconhecido povo,

muito antigo e antecedente à Civilização Inca, o qual, na falta de uma denominação melhor e mais
apropriada, se convencionou chamar de "Chachapoyas"!
É bom saber que este nome, "Chachapoyas", vem do antigo idioma Quichua, literalmente significando
"OS GUERREIROS DAS NUVENS", ou ainda, "O POVO DAS NUVENS"! Essas curiosas esculturas - por
sinal em muito semelhantes àquelas não menos misteriosas, por sua vez encontradas na distante Ilha de
Páscoa e chamadas de "Moais", estão postadas a 2600 metros acima do nível do mar, em meio às
florestas hostis e junto ao chamado Lago dos Condores.


Observe a Egiptologia, no Egito o

deus-chacal Anúbis, por seu turno já retratado em um mural do Antigo Egito. Que



extraordinária semelhança, não? E de onde exatamente teria vindo tal antiqüíssima raça?
Chave a Cruz Ansata.

À esquerda, você vê uma divindade proto-egípcia encontrada.... Onde? Em pleno território dos Estados
Unidos da América, possivelmente no imenso complexo radial situado no interior das montanhas do
Grand Canyon - encontrado em 1947 e cuja divulgação foi criminosamente suprimida.
A mesma chave cruz ansata.