12 de nov de 2012

Relembrando a evidência do Caso de Guarapiranga

Autor : Weverton Lucas

“Caso de Guarapiranga”. No ano de 1988, um homem foi encontrado morto com diversas mutilações em seu corpo no lago da represa de Guarapiranga localizado no Interior do Estado de São Paulo.

Foto de do local dos fatos em 1988
O fato intrigou os ufólogos e a imprensa do país inteiro na qual o corpo havia marcas diferentes e claro, a mutilação com exatidões e precisão cirúrgica. O cadáver continha diversas remoções de seu corpo, como os testículos, órgãos internos, o ânus, o umbigo e etc. Além disso, o corpo não havia sinais de putrefação, porém possuía cortes profundos cilíndricos. Já em 1989, outro crime semelhante ocorreu nas margens da represa de Guarapiranga, as marcas, mutilações do cadáver eram as mesmas, no entanto, o segundo caso obteve uma diferença: os olhos foram removidos. Outro caso semelhante que ocorreu foi no ano de 1995 na cidade de Estância Velha no Rio Grande do Sul, onde o agricultor Olívio Correia desmaiou em um matagal e quando acordou o agricultor estava sem os globos oculares. De acordo com Oliveira, o agricultor não se recordava de nada e muito menos de dores na região cirúrgica.


Foto de caso semelhante ocorrido em 2006


Segundo pesquisadores ufólogos, alguns seres extraterrestres possuem o poder da abdução para experiências, tanto em humanos quanto em animais, utilizando o conhecimento de remoção de órgãos, mutilação e etc.
De acordo com um levantamento ufológico, desde a década de 70, cerca de 20 mil animais (gados) foram mortos com estas mesmas características no mundo inteiro, como a remoção de línguas, órgãos genitais (pênis e vagina), o ânus, úberes, cortes cirúrgicos com laser, órgãos internos, sucção completa de sangue, sem deixar uma gota e etc. Além disso, alguns casos relataram de que animais desapareceram em determinado local e foi aparecer em outro ambiente sem deixar vestígios de pegadas.

Por David (Sync) Muniz.
Fonte: UFO Genisis